domingo, 3 de setembro de 2017

1ª CPM/I apreende 07 armas de fogo somente no mês de agosto em Campo Alegre


A  1ª Companhia de Polícia Militar/Independente (CPM/I) divulgou um balanço de apreensões de armas de fogo no ano de 2017. Somente na cidade de Campo Alegre, no último mês (agosto) foram 07 armas apreendidas. Os resultados positivos não se limitam ao número de armas apreendidas. Os números de prisões por tráfico, juntamente com as apreensões de drogas e a diminuição das ocorrências negativas, foram batidas com folga, as metas estabelecidas, também são motivos para comemoração. 

Ao retirar armas de fogo de circulação das ruas de Campo Alegre, os policiais estão impedindo que outros crimes sejam efetuados e, consequentemente, promovendo a preservação da vida.

Confira as apreensões:  

Rocam prende ‘Zé Veio’ armado na zona rural de Campo Alegre

Polícia apreende duas armas de fogo em Campo Alegre só neste domingo

Polícia Militar apreende duas armas de fogo e drogas em Campo Alegre

Na madrugada: Após denúncia, polícia prende dois por tráfico de drogas em Campo Alegre

Em Campo Alegre: Homem é preso com espingarda de grosso calibre e rifle 38

Balanço completo das operações

No mês de agosto do corrente ano, a 1ª Companhia de Polícia Militar/Independente (CPM/I), sediada no município de São Miguel dos Campos, bateu o recorde no número de apreensões de armas de fogo dos últimos anos, foram 19 no total. O último maior número tinha sido em maio deste ano, quando os militares da Companhia apreenderam 15 armamentos.

A 1ª CPM/I é composta por cinco cidades, entre elas está Campo Alegre, município no qual os militares apreenderam no mês passado sete das 19 armas. As outras 12 estão distribuídas em apreensões feitas em Anadia, Boca da Mata, Roteiro e na sede da Companhia.

Entre as equipes que trabalham diariamente em defesa da segurança da população, o destaque vai para a guarnição Bravo da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), que apreendeu 13 armas do total. O trabalho desenvolvido pelo Serviço de Inteligência da Companhia também é de suma importância para o resultado obtido.

Um fator bastante importante também para a conquista desse fato histórico foi a implantação do Programa Força Tarefa nos municípios da 1ª Cia, colaborando ainda para a redução no índice de criminalidade, com o aumento das prisões por tráfico de entorpecentes e apreensões de drogas.

O trabalho desenvolvido pelos militares na região tem tornado o município de São Miguel dos Campos a terceira cidade com o melhor índice de segurança do país de 2017, de acordo com o ranking Connected Smart Cities, da consultoria Urban Systems, que foi publicado na Revista Exame no último mês de julho. A cidade foi um destaque por subir 16 posições em relação ao ano passado.

Para montar o ranking, o estudo levou em consideração seis critérios: o monitoramento de áreas de risco; iluminação pública; taxa de homicídios; acidades de trânsito; despesas com segurança, além do efetivo de policiais, guardas-civis municipais e agentes de trânsito.

“As metas estão sendo batidas e isso é motivo para comemoração. Os bons resultados são de total responsabilidade da tropa, que é disciplinada, eficiente e compromissada com seu dever na atividade policial militar. Com esse efetivo, os resultados não poderiam ser diferentes”, afirmou o comandante da 1ª Companhia de Polícia Militar/Independente, major Renilson Rodrigues.


Nenhum comentário:

Postar um comentário