segunda-feira, 10 de dezembro de 2018

Filarmônica Emeriato Pereira Lima: 10 anos de muita música e com inúmeras histórias para contar


Dezembro é o mês de aniversário da Associação Musical Amigos de Campo Alegre (AMACA) que tem como frutos a Escola de Música Antônio Guimarães e a querida Filarmônica Emeriato Pereira Lima. Na próxima quinta-feira (13), a Associação celebra 10 anos de muita música e com inúmeras histórias para contar que se destacam graças a todo o cuidado e dedicação dos profissionais que estão a frente deste projeto e trabalham unicamente para transformar vidas por meio da vivência musical, contribuindo, com certeza, para o aumento do bem-estar e da autoestima de seus aprendizes.

Vamos voltar ao passado e afirmar com convicção que por trás de toda essa história de sucesso teve uma equipe super 'afinada' e capacitada para auxiliar e acolher os alunos em suas necessidades. Podemos citar que esse é o ponto-chave: o amor, atenção e dedicação para que um projeto vá à frente e der certo.

Citar nomes aqui poderia ser um erro fatal, pois todos tem sua grande parcela de contribuição, mas arriscaremos divulgar aqui (com propriedade) o nome do senhor João Romão - Presidente da AMACA, homem apaixonado pela música e que que ao longo do seus 84 anos de idade tem grandes razões para se orgulhar de uma Filarmônica que é um dos maiores patrimônios históricos e culturais da cidade de Campo Alegre.

Outros dois nomes que tem um papel fundamental nessa história foi o maestro José Cláudio do Nascimento que iniciou junto a trajetória da Filarmônica e o atual Maestro o Professor Walber da Silva Bezerra que desde o dia 30 de abril de 2015 está a frente da banda dando as coordenadas para jovens campo-alegrenses que através de seus instrumentos entoam trilhas sonoras de momentos marcantes da cidade, estando presente nos mais diversos eventos, sejam eles sociais, cívicos, políticos, artísticos, culturais ou religiosos.

Para celebrar essa data inesquecível para a Associação Musical Amigos de Campo Alegre, a Escola de Música Antônio Guimarães e a Filarmônica Emeriato Pereira Lima, realizará uma programação especial na próxima quinta-feira, 13 de dezembro. Onde irá reunir seus alunos e comemorar a data. Já no início da manhã, às 7 horas, será realizado uma Missa em Ação de Graças, às 8 e 30, desfile pelas principais ruas da cidade, e a noite, às 19 horas, apresentação na praça central.

Além dos nomes que citamos, não podemos ser injustos com os demais, tem muita gente que colaborou e colabora dando suporte, justamente aqueles que ficam nos bastidores, mas que trabalham incansavelmente para sempre manter o ambiente acolhedor, que é outra marca da instituição. Ser bem recebido e atendido é um dos focos do trabalho da equipe da AMACA.  Conheça um pouco da história da AMACA e das pessoas que fazem parte deste time. 

Onde tudo começou... 

Teve como idealizador o senhor Miguel Ângelo Guimarães onde procurou o senhor João Romão, professora Angelina e o professor José Jadilson e fizeram uma reunião com alguns membros da sociedade campo-alegrense.

Teve como primeiro presidente o Professor José Jadilson da Silva. Fundada em 13 de Dezembro de 2008 com compromisso de formar músicos para a sociedade campo-alegrense e assim levar o nome do nosso município para as demais localidades. 

Primeiras apresentações...

Iniciou suas aulas no dia 17 de março de 2009 com o Maestro José Cláudio do Nascimento e assim deu o pontapé inicial para o crescimento da cultura local. No início o pensamento era fundar uma banda para tocar na tradicional Procissão de Corpus Christi e do Padroeiro Bom Jesus dos Aflitos, bem como prestar um serviço social para a comunidade da nossa cidade ofertando aula de música gratuita para crianças, jovens e adultos. Mas, não se restringiu a apenas isso, tomando outras proporções e fazendo diversos  tipos de apresentações. 

Suas primeiras apresentações foram no dia 08 de junho de 2009 na festa de Emancipação Política da nossa cidade e três dias depois no dia 11 de junho na procissão de Corpus Christi com 22 componentes.

Eleição para nova Diretoria...

Em dezembro de 2017 teve nova eleição para formar a nova direção da AMACA, e assim os sócios contribuintes reelegeram o senhor João Romão como presidente para o Triênio (2018 à 2020).

Apoios e Contribuições...

A AMACA é mantida por sócios contribuintes aonde por mês pagam R$ 20,00 e o apoio da Prefeitura Municipal através de um convênio anual onde é repassado uma ajuda de custo mensal para manutenção da mesma.

Números de alunos e componentes...

Hoje a filarmônica conta com 40 componentes, 20 alunos com instrumentos iniciando na banda e 32 alunos em iniciação musical, a cada ano esse número cresce gradativamente. 

Formação da Diretoria

Presidente: Senhor João Romão dos Santos; 
Vice-Presidente: Professora Adriana Santos; 
Secretária: Professora Eluzenita Chagas; 
Tesoureira: Professora Angelina; 
Diretores Fiscais: Professores Talvanes e Maria Gorete; 
Diretora de Patrimônio: Fátima Ferreira; 
Maestro e Diretor de Disciplina: Professor Walber Bezerra; 
Diretora de Eventos: Proessora Ivanilda.


Nenhum comentário:

Postar um comentário